Mês: novembro 2010

O que é solidão?

Cada pessoa encontra-se vinculada com as outras de quem depende. Existe uma certa interligação permanente entre o indivíduo e a sociedade. A psicologia denomina “grupos” às diversas estruturas sociais a que, com diferente vinculação, cada pessoa pertence. O raio de ação desses grupos compreende o matrimônio e a família, a empresa e as associações, e até a comunidade religiosa e a nacionalidade. Dentro de tal ponto de vista, pode-se caracterizar o indivíduo como o “ponto de interseção” de diversas ligações desses conjuntos. Quando se quer viver junto, praticamente todas as pessoas almejam um relacionamento ideal, que possa ser tudo para ambos. Que seja romântico, divertido, sexy e que inclua uma profunda compreensão mútua, muitos interesses em comum e nenhum hábito desagradável. Infelizmente, esse relacionamento hipotético é extremamente difícil, ou até mesmo impossível, de ser conseguido pela maior parte das pessoas, pois inúmeras coisas conspiram para isso. A comparação de um relacionamento real com fantasias idealistas alimentadas durante a adolescência é algo que tende a causar eternos desapontamentos. Um casamento precoce, antes da personalidade ter tempo para amadurecer, ou o nascimento de filhos antes que os pais estejam suficientemente seguros para resistir aos estresses causados pela gravidez e pela educação das crianças, são outros dois fatores que certamente irão prejudicar uma relação aparentemente boa. Solteiro, casado, viúvo ou divorciado. Ficar só é, talvez, um dos maiores desafios humanos. Todo mundo...

Leia mais

Relacionamento

Arnaldo Jabor ‘Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa: ‘ -Ah,terminei o namoro… -Nossa, estavam juntos há tanto tempo….. -Cinco anos…que pena…acabou…. -é…não deu certo…’ Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores. Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam. Às vezes voce não consegue nem dar cem por cento de voce para voce mesmo, como cobrar cem por cento do outro? E não temos essa coisa completa. Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama. Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel. Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador. Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível. Tudo junto, não vamos encontrar. Perceba qual o aspecto mais importante para voce e invista nele. Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia. E as vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona… Acho que o beijo é importante…e se o beijo bate…se joga…se não bate…mais um Martini, por favor…e vá dar uma volta. Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o...

Leia mais

Casamentos, Frescobol e Tênis

  Rubem Alves*   Depois de muito meditar sobre o assunto concluí que, os casamentos (relacionamentos) são de dois tipos: Há os casamentos do tipo tênis e há os casamentos do tipo frescobol. Os casamentos do tipo tênis são uma fonte de raiva e ressentimentos e terminam sempre mal. Os casamentos do tipo frescobol são uma fonte de alegria e têm a chance de ter vida longa. Explico-me. Para começar, uma afirmação de Nietzsche, com a qual concordo inteiramente. Dizia ele: “Ao pensar sobre a possibilidade do casamento cada um deveria se fazer a seguinte pergunta: Você crê que seria, capaz de conversar com prazer com esta pessoa até sua velhice”? Tudo o mais no casamento é transitório, mas as relações que desafiam o tempo são aquelas construídas sobre a arte de conversar.” Xerazade sabia disso. Sabia que os casamentos baseados nos prazeres da cama são sempre decapitados pela manhã, terminam em separação, pois os prazeres do sexo se esgotam rapidamente, terminam na morte, como no filme “O Império dos Sentidos”. Por isso, quando o sexo já estava morto na cama, e o amor não mais se podia dizer através dele, ela o ressuscitava pela magia da palavra:começava uma longa conversa sem fim, que deveria durar mil e uma noites.O sultão se calava e escutava as suas palavras como se fosse música. A música dos sons ou da palavra...

Leia mais

O Ciúme

  Na medida certa, o ciúme ajuda a colorir a relação. Mas na maioria dos casos, se torna um dos principais motivos de brigas entre casais. O Dicionário Aurélio conceitua: Ciúme: [Do lat. *zelumen < lat. zelus < gr. zêlos, ‘cuidado’; ‘ardor’; ‘inveja’; ‘ciúme’.] Substantivo masculino. 1.Sentimento doloroso que as exigências de um amor inquieto, o desejo de posse da pessoa amada, a suspeita ou a certeza de sua infidelidade fazem nascer em alguém; zelos. [Nesta acepç. é m. us. no pl.] 2.Emulação, competição, rivalidade. 3.Despeito invejoso; inveja. 4.Receio de perder alguma coisa; cuidado, zelo: Eis alguns pensamentos sobre ciúmes, para uma boa reflexão: -“Pedir ciúmes é despertar alguém que está dormindo.”- Refrán -“O namorado ciumento suporta melhor a enfermidade de sua amante que sua liberdade.”- Stendhal -“O ciumento, nunca tem ciúmes do que vê, mas sim do que imagina.” – Jacinto Benavente -“De qualquer forma o ciúmes é na realidade uma conseqüência do amor: goste ou não, existem.” – Robert Louis Stevenson -“O ciumento ama mais, mas não ama melhor.”- Molière -“O homem é ciumento se ama, a mulher também, mesmo que não ame.”- Inmanuel Kant -“Ciúmes são filhos do amor, mas são bastardos, te confesso.”- Lope de Veja -“Os ciúmes quando são furiosos, produzem mais crimes que o interesse e a ambição.” – Voltaire -“O ciúme é um latido que atrai cães” – Karl Kraus -“Uma vez...

Leia mais

Arrebente as correntes

Você já observou elefante no circo? Durante o espetáculo, o enorme animal faz demonstrações de força descomunais. Mas, antes de entrar em cena, permanece preso, quieto, contido somente por uma corrente que aprisiona uma de suas patas a uma pequena estaca cravada no solo. A estaca é só um pequeno pedaço de madeira. E, ainda que a corrente fosse grossa, parece óbvio que ele, capaz de derrubar uma árvore com sua própria força, poderia, com facilidade, arrancá-la do solo e fugir. Que mistério! Por que o elefante não foge? Há alguns anos descobri que, por sorte minha, alguém havia...

Leia mais
  • 1
  • 2